• Instagram - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
eubai_001_logo_00h_f.png

© 2015 por Eu, Bailarina. Criado com Wix.com

  • Thiana Calmon

Quando iniciar a ponta no ballet adulto


Uma pergunta frequente das alunas adultas no ballet é se um dia poderão usar as tão sonhadas sapatilhas de ponta. A sapatilha de ponta é um ícone do ballet clássico e um objetivo para a maioria das alunas quando começam o ballet independente da idade.

A primeira pergunta a ser respondida é se é possível iniciar no ballet adulta e conseguir usar sapatilha de ponta?

Sim, é possível e eu sou prova disso. Ainda não danço na ponta, mas estou no caminho.

A segunda pergunta óbvia é quando? Esse foi um tema bastante discutido lá no grupo do facebook (se você ainda não participa, clique aqui)

Aqui precisamos classificar as alunas em:

1 - Aquelas que fizeram muitos anos de ballet e voltaram depois de algum tempo

Depende muito de quanto tempo a aluna ficou sem dançar e do seu preparo físico. Então esse tempo é definido entre aluno e professor.

2 - Aquelas que nunca fizeram ballet na vida ou não chegaram a usar pontas

Como sabem, eu estou nessa classificação e iniciei as aulas de ponta no meu terceiro ano de ballet, comecei com 15 minutos de ponta por semana e depois de um tempo a escola abriu uma turma específica para técnica de pontas. Falei sobre minha primeira ponta aqui

No grupo do facebook ouvi algumas histórias diferentes da minha, gente que começou na ponta com menos de um ano de ballet. Como não sou profissional, perguntei a opinião de uma das minhas professoras que confio cegamente e concordo por experiência própria.

Ela me disse que o mais adequado é não colocar a sapatilha de ponta antes do terceiro ano de ballet, podem existir exceções, pessoas que fazem muitas aulas ou possuem mais facilidade, mas em geral o ideal é a partir do terceiro ano quando a aluna já entende o que é uma aula de ballet, tem um mínimo domínio de técnica, e teve a musculatura dos pés fortalecida.

Três anos podem parecer muito tempo mas o ballet tem outro ritmo. A evolução as vezes é lenta sim e é importante não pular etapas. Do que adianta estar na ponta e não subir adequadamente na sapatilha? Se você não domina o básico na meia ponta, acredite, na ponta será muito mais difícil além de perigoso. Se você não tem a musculatura forte o suficiente pode ganhar uma lesão bem séria.

Infelizmente o ballet adulto iniciante ainda é uma realidade muito recente, por isso é importante achar um local sério e com bons professores.

Meu conselho para quem está começando: Não tenha pressa e desconfie de quem te deixar colocar uma sapatilha de ponta no primeiro ano de ballet, se você não for uma aluna excepcional isso não é comum nem seguro.

Não pule etapas importantes, os dois primeiros anos te proporcionarão uma base técnica extremamente importante para os próximos anos e quando você menos esperar estará dançando lindamente.

Ainda tem dúvidas ou quer dividir sua experiência? Deixe um comentário!

#balletadulto #sapatilhadeponta

4,450 visualizações